Depressão

A depressão é caracterizada por uma experiência profunda de sentimentos negativos como a tristeza, a frustração, o desânimo, a angústia, a irritabilidade, a perda de interesse nas atividades quotidianas e até mesmo a perda da vontade de viver. Os sintomas variam quanto à gravidade (de ligeiros a graves) e duração (de meses a anos).

A nível global, estima-se que mais de 300 milhões de pessoas sofram de depressão, o que equivale a 4,4% da população mundial.

As perturbações depressivas, em particular as mais graves, têm como consequência mais dramática, decorrente de desespero atroz, a ideação suicida. Por isso, é importante intervir o quanto antes.

Sinais

• Sente-se constantemente triste

• Sente-se sem esperanças

• Sente-se culpado por tudo o que acontece

• Chora sem motivos aparentes

• Sente-se esgotado

• Perdeu o interesse atividades que costumava gostar

• É necessário um grande esforço para fazer coisas simples

• Apresenta dificuldades em concentrar-se

• Tem dificuldades em fazer escolhas ou tomar decisões

• Tem vontade de morrer

Sintomas

• Tristeza constante

• Cansaço e Apatia

• Negativismo

• Irritabilidade

• Sentimentos de culpa e inutilidade

• Perda de interesse ou prazer pela vida

• Diminuição da energia

• Dificuldade de concentração e memória

• Dificuldade em tomar decisões

• Insónias ou excesso de sono

• Alterações no apetite e no peso

• Diminuição do desejo sexual

• Idealização suicida

Causas

A depressão pode afetar pessoas de todos os extratos sociais e surgir pela primeira vez em qualquer idade, mas a probabilidade de início aumenta sensivelmente com a puberdade.

Existem alguns fatores que podem contribuir para o surgimento da depressão, tais como experiências adversas na infância; eventos stressantes; traumas; feridas emocionais; o uso de substâncias; questões genéticas; alterações hormonais; doenças físicas; assim como outras perturbações iniciais, como a ansiedade por exemplo.